Exposi(são)

Acção Cultural

3 de Janeiro de 2018

“Neste caminho fantástico e único a que damos o nome de crescer, cada um vai construindo as suas aprendizagens e memórias, compilando a sua biblioteca de sensações e vivências e deixando pegadas por onde passa.

Neste caminho as descobertas vão-se fazendo por entre olhares e encontros, dedos que tocam e aprendem, sons que se misturam e entram no corpo. É desta forma que cada criança vai descobrindo o que é e o que a rodeia: como é o seu rosto e corpo, como são as árvores e como se seguram na terra, como se pinta a luz e a vida (…)”